A Carta-bomba foi deixada em um prédio, o caso está sob investigação

Uma pessoa faleceu e outra está ferida com a explosão na noite desta quinta-feira (21).

A carta-bomba matou um homem de 32 anos, Antonio Perna. Ele ficou ferido e chegou a ser levado ao Hospital de Loreto Mare, porém Perna não resistiu.

Monica Venerusso, de 43 anos, ficou ferida e está hospitalizada.

A mulher, segundo a Ansa, seria a viúva de um familiar do líder do clã Reale, ligado à máfia Camorra.

No momento, a polícia italiana investiga o crime.

A carta-bomba foi deixada na entrada de um edifício, na Rua Ferrante Imparato.

De acordo com a Ansa, haviam dois carros estacionados no local e foram danificados.