Festival terá 300 exibições em 12 cidades brasileiras

(ANSA) – O Brasil receberá a “8 ½ Festa do Cinema Italiano” na primeira semana de agosto, entre os dias 2 e 8.

Ao todo, 12 cidades terão filmes exibidos pela mostra: São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Curitiba, Recife, Salvador, Florianópolis, Belém, Goiânia, Porto Alegre e Vitória. Cada município exibirá ao menos dois longas por dia.

Mais de 300 sessões de filmes italianos serão apresentadas na programação. Os principais destaques são “Fortunata”, de Sergio Castellitto, “Nico 1988”, de Susanna Nicchiarelli, e “Dogman”, de Matteo Garrone, que concorreu à “Palma de Ouro” no Festival de Cannes.

Além disso, destacam-se “Uma Questão Pessoal”, de Vittorio Taviani, “A Ternura”, de Gianni Amelio, e “Vida em Família”, de Edoardo Winspeare, bem como “Emma”, de Silvio Soldini, exibido no Festival de Veneza, “A Garota da Névoa”, de Donato Carrisi, e “Made In Italy”, de Luciano Ligabue.

O preço dos ingressos varia de R$ 5 a R$ 20, e os bilhetes podem ser adquiridos online ou nas bilheterias dos cinemas participantes.

A “8 ½ Festa do Cinema Italiano” é um evento cinematográfico que tem suas origens em 2008, em Lisboa. Em 10 anos, o festival se expandiu e fez sucesso em outros países de língua portuguesa, como Brasil, Moçambique e Angola. O objetivo é promover o cinema italiano pelo mundo.